quarta-feira, 24 de junho de 2015

O Que Faria Estaline Se Fosse Grego?



"A loucura, longe de ser uma anomalia, é a condição normal humana." - Fernando Pessoa (1888 - 1935)


Há que não esmorecer camaradas! O futuro é nosso e se o camarada Arnaldo Matos conseguiu, vocês também conseguem! 

Em momentos assim, há que recorrer às teorias avançadas da esquerda, nomeadamente aos ensinamentos do nosso irmão e camarada-comandante Zé Estaline. Estes, na boa tradição comunista, não apenas ensinam a construir o Socialismo como via de transição para o Comunismo, como também ensinam o "tratamento" adequado a dar a estes cães reaccionários e inimigos do povo da laia de Alexis Tsipras.

O reaccionário e inimigo do povo Alexis Tsipras, deve ser imediatamente preso assim que aterrar em Atenas e de seguida levado para uma câmara de tortura onde será sujeito a espancamentos, queimaduras com ferros em brasa, esmagamento de ossos e testículos à martelada, choques eléctricos e arrancamento de unhas até o reaccionário e inimigo do povo Alexis Tsipras, concordar em assinar uma confissão de que traiu o proletariado grego e vendeu a honra deste à burguesia imperialista.

Na confissão deve constar também que o reaccionário e inimigo do povo Alexis Tsipras, aquando da sua estadia em Bruxelas, manteve relações sexuais num motel burguês com Angela Merkel e praticou o acto da sodomia com Christine Lagarde, sendo isto uma prova definitiva da decadência da sociedade burguesa ocidental e da imoralidade na qual o reaccionário e inimigo do povo Alexis Tsipras caiu.

Após a assinatura da confissão, o reaccionário e inimigo do povo Alexis Tsipras, deverá ser presente a um Tribunal Revolucionário, que seguindo a vontade do povo eternamente inspirado pelo Grande Lenine, se encarregará de condenar o reaccionário e inimigo do povo Alexis Tsipras à morte por fuzilamento.
 
Depois de condenado à morte, o reaccionário e inimigo do povo Alexis Tsipras deverá ser novamente conduzido a uma câmara de tortura onde será novamente sujeito a espancamentos, queimaduras com ferros em brasa, esmagamento de ossos e testículos à martelada, choques eléctricos e arrancamento de unhas (se ainda sobrarem unhas para arrancar...).

Apenas quando o reaccionário e inimigo do povo Alexis Tsipras estiver no limite das suas capacidades físicas é que este deverá ser conduzido perante o pelotão de fuzilamento. O corpo deverá ser destruído ou enterrado de forma a que nunca mais ninguém saiba sequer que o reaccionário e inimigo do povo Alexis Tsipras existiu. A sua imagem deverá também ser apagada de todas as fotografias oficiais.

Concluída assim a eliminação física do reaccionário e inimigo do povo Alexis Tsipras, deve fazer-se um levantamento da família do mesmo até à terceira geração e todos os membros da mesma, crianças incluído, devem de ser sujeitos a deportação para um campo de trabalhos forçados de onde nunca mais regressarão ou torturados e executados à semelhança do reaccionário e inimigo do povo Alexis Tsipras. 

Apenas após todos estes burgueses reaccionários terem sido exterminados é que poderemos iniciar a construção do Socialismo num só País, como etapa de transição para o Comunismo. Um terço do povo grego deve ser deportado para campos de trabalho forçado, de forma a que se possa rapidamente dinamizar o crescimento económico. Outro terço deve ser agrupado em quintas colectivas e o outro terço será incorporado nas Forças Armadas. 

Todas as fronteiras terrestres e marítimas devem de ser minadas e a Grécia deve iniciar imediatamente o seu próprio programa nuclear, de forma a que possa ter a bomba atómica até 2020, com sorte 2019 se não morrerem mais de um milhão de gregos à fome até lá.

Longa vida, muito longa vida ao camarada Estaline!

Viva o estalinismo, o marxismo-leninismo da nossa época!

Viva o marxismo-leninismo-estalinismo!

Vivam Marx, Engels, Lenine, Estaline e Arnaldo Matos!

Viva a ditadura do proletariado!

Viva a linha vermelha do nosso Movimento!

Viva o internacionalismo proletário!

Viva o Syriza!




___________________________________________________


Nota: O texto acima é uma óbvia ironia sobre a actual situação grega e não é minha intenção de forma alguma estar aqui a troçar do povo grego, mas sim, acentuar que apesar de aqui ser a brincar, as tácticas de terror acima descritas já foram utilizadas em massa tanto por regimes de extrema-esquerda, como por regimes de extrema-direita. 

Que ninguém julgue que a história não anda para trás. Se os actuais "iluminados" que governam a Europa continuarem a insistir em colocar "mercados" à frente de pessoas e bancos à frente de nações, não será preciso esperar muito tempo até termos algum ou alguns novos Estalines e Hitleres novamente a governar a Europa, algo que, de qualquer forma, já me parece neste momento praticamente inevitável dadas as circunstâncias trágicas em que nos encontramos. Será portanto e possivelmente apenas uma questão de tempo...

João José Horta Nobre
Junho de 2015

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...