quarta-feira, 13 de janeiro de 2016

António Costa Deve Ser Julgado Por Crime de Lesa-Pátria


Aqui podem ver e ouvir o pseudo-português António Costa a defender a continuação do crime que constitui o acordo ortográfico de 1990.


A insistência em prosseguir com o criminoso acordo ortográfico de 1990 e a permanente recusa em revogar o mesmo, por parte de quem tem o poder para o fazer, mas não o quer fazer, configura claramente um crime de lesa-pátria e como tal deve ser julgado. A imposição do acordo ortográfico à Nação portuguesa, é um autêntico vandalismo da nossa língua e cultura e um ataque frontal declarado por selvagens sem Pátria contra a nossa identidade nacional.

Mas não é apenas António Costa que deve ser apresentado a julgamento por se recusar a revogar o acordo ortográfico, o anterior energúmeno que ocupava o cargo de Primeiro-Ministro, deve ser igualmente levado a julgamento pelo mesmo motivo. O mesmo aplica-se a todos os restantes "democratas" republicanos que, armados em donos da língua portuguesa e munidos dos poderes que os seus antecessores usurparam ilegalmente em 1910, participaram na imposição forçada do acordo ortográfico ao povo português.

Não me resta a mínima dúvida de que a maçonaria "portuguesa" está metida nesta nojice do acordo ortográfico até ao pescoço. Estou certo de que no futuro esta irá colher o fruto amargo do que tem andado a semear nas últimas décadas, tão amargo que garantidamente nunca mais se irá voltar a ouvir falar de tamanha escumalha em Portugal. 

João José Horta Nobre
13 de Janeiro de 2016

4 comentários:

  1. Caro João Nobre:
    Partilho consigo essa revolta pelos maus-tratos que a nossa língua tem vindo a sofrer com este pseudo-acordo que aliás até já foi abandonado pelos parceiros do mesmo!
    É minha convicção que de nada adiantará apelar para governantes, qualquer que seja o seu quadrante político.
    Diz o 1º ministro que devemos deixar a língua evoluir por si, ignorando deliberadamente que esta "evolução" nada teve de natural mas foi imposta em contra-natura!
    Por isso, é minha convicção que a única forma de revertermos esse "acordo" é pura e simplesmente recusá-lo no nosso dia-a-dia e transmitir essa "chama" o mais que pudermos!
    Cumprimentos.
    P.Lopes

    ResponderEliminar
  2. porque o chama de pseudo-portugues?

    ResponderEliminar
  3. O Costa das Índias, o tal que chegou a PM perdendo as Legislativas e que quer um "Espaço Schengen da Lusofonia", mostra aqui a sua verdadeira face!

    ...Mas também o que poderíamos esperar de um indivíduo que nem sequer é português, nem fenotipicamente, nem afectivamente, nem culturalmente? Burro é quem votou nele! Sem ofensa para os pobres dos burros, que são geralmente animais dóceis!

    ResponderEliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...