sexta-feira, 22 de abril de 2016

O Branqueamento do Terror Comunista Pelos Me(r)dia dá Vómitos




Um "coitadinho" chamado Gilberto Natalini diz que foi preso pelos militares brasileiros durante a ditadura militar e que de seguida, levou com "choques elétricos diários, que, segundo ele, lhe causaram problemas auditivos irreversíveis." O Natalini "coitadinho" explica que foi "vítima de tortura por cerca de dois meses na sede do DOI-Codi em São Paulo."

"Coitadinho"! Nossa, que "horror"! Então mas onde é que já se viu torturar um tipo, que anda a espalhar bombas e a passar armamento de guerra, tudo com o apoio de regimes totalitários de extrema-esquerda?!?  Nem imaginam a "pena" que eu sinto do terrorista! 

Depois temos esta outra "coitadinha", uma "coitadinha", muito "coitadinha", chamada Iza Salles, que alega que depois de "uma noite inteira de choques elétricos, ela foi deixada sobre um colchão cheio de buracos e percevejos na sala de tortura porque já não havia lugar nas outras celas.

 
"Coitadinha"! Que "Coitadinha" meu Deus! A rapariga só estava envolvida na "luta armada" e foram logo torturá-la! "Pobrezinha", os militares brasileiros deviam era de a ter deixado continuar a tal "luta armada", espalhando as suas bombinhas e dando tirinhos em nome do povo que nunca a elegeu para tal. Assim é que é politicamente correcto, bom e bonito. Desde que seja de esquerda e feito em nome do "povo", o terrorismo é sempre bem-vindo e acarinhado pelos me(r)dia que contam apenas um dos lados da história por mera conveniência.

Caros leitores, digo-o sem rodeios e sem problemas: isto dá vómitos! Ler este branqueamento feito pelos me(r)dia a terroristas de extrema-esquerda que lutavam para montar uma ditadura totalitária no Brasil, semelhante à ditadura cubana ou soviética, é nojento de se ler e revolta o estômago a qualquer pessoa que saiba realmente o que se passou.

A esmagadora maioria e quando digo esmagadora maioria, refiro-me a 99% das "vítimas" da ditadura militar no Brasil, foram presas e torturadas porque eram terroristas e servos de potências estrangeiras em tudo contrárias à decência humana. Esta gente não lutava por democracia coisíssima nenhuma, como hoje gostam de afirmar, lutavam, isso sim, para erguer uma ditadura comunista no Brasil e se não tivessem sido as tais "torturas" dos militares, teriam muito possivelmente conseguido vencer e hoje o Brasil estaria a contar não apenas algumas centenas ou milhares de mortos, mas sim, dezenas de milhares, centenas de milhares ou até mesmo vários milhões de mortos às mãos dos fanáticos marxistas. Que motivos tenho eu para afirmar isto? Todos! Basta verem a verdadeira orgia de sangue e terror que ocorreu em todos os países comunistas (em Cuba e na Coreia do Norte ainda continua...) e têm aí um excelente exemplo, do que esta gente faz em todo e qualquer lugar onde consegue tomar o poder.

O "livro de regras" da extrema-esquerda é bastante simples e é isso, no fundo, que a torna eficaz. Primeiro dedicam-se ao terrorismo quando podem, no caso de serem presos, dizem depois que são "lutadores pela liberdade e democracia" e fazem-se de vítimas coitadinhas. Por fim, quando tomam o poder, toca a matar, esquartejar, oprimir e fazer muito pior do que a mais tenebrosa ditadura militar alguma vez conseguiu fazer.

A esquerda é isto e sempre será isto, filha-da-putice e hipocrisia sem limites. A luta continua, ai podem ter a certeza que continua!

João José Horta Nobre 
22 de Abril de 2016

3 comentários:

  1. Amigo Nobre,

    Ainda bem que esses porcos comunistas levaram choques electricos e porrada e só é de lamentar que não tenham levado mais ainda!

    Em Portugal, pelos vistos o estrume da esquerda não levou paulada suficiente do Salazar. O católico do Salazar sempre foi um fraco incapaz de acabar com a esquerda de uma vez por todas. Esta fraqueza é típica dos católicos, é o que dá a treta da "piedade cirstã".

    Tivesse a comunalha apanhado pela frente um pagão à maneira e tinham sido dados de comer vivos aos leões!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Borvo, por favor tenha calma, porque esse ódio visceral aos comunistas que tem, qualquer dia fá-lo ter uma apoplexia em frente ao computador.

      Eliminar
    2. Caro Borvo


      Para desmantelar as bases de sustentação da esquerda basta que haja vontade política e implementar reformas estruturais.

      Aí vai a lista actualizada:


      Abolição do salário mínimo
      Liberalização dos despedimentos
      Abolição dos descontos
      Pagamento do verdadeiro custo da água e energia pelo utilizador
      Pagamento do verdadeiro custo de educação e saúde pelo utilizador
      Liberalização (facilitação, desregulamentação) do acesso às profissões liberais
      Liberalização das rendas
      Sujeição a IRC a todas as pessoas colectivas
      Simplificação do IRS com sujeição individual, taxa única, sem deduções e abatimentos
      Taxa única no Iva
      Desmantelar o sistema escolar com o e-learning
      Varrer a função pública
      Extinção das juntas de freguesia
      Redução do número de deputados
      ...
      ...
      ...

      ...

      Eliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...