sexta-feira, 13 de maio de 2016

Selvajaria Sem Limites



 

«Trabalhadores de aviários nos EUA sem pausas são obrigados a usar fraldas»


Quando eu por vezes digo que o Capitalismo do laissez faire, laissez passer, é apenas o regresso à Lei da Selva, refiro-me a coisas como a que podem ver no video e link da notícia acima.

Mas não se trata apenas do regresso à Lei da Selva, trata-se também de um regresso à escravatura, encapotada de "trabalho pago". O sistema económico que actualmente prevalece na maioria das economias ocidentais, tem-se continuamente degradado durante os últimos trinta anos, no que diz respeito aos direitos dos trabalhadores e transformou-se num sistema económico que privilegia as formas mais degradantes e bárbaras de exploração humana. Pior do que isto, só mesmo no sistema de GULAG ou nos campos de extermínio nazis.

Depois estes filhos da puta da burguesia admiram-se quando o pessoal vai votar na extrema-esquerda e na extrema-direita. Admiram-se quando a malta farta deste nível de abuso e exploração, começa a dar apoio aos "radicais" e "fascistas", que na prática, são os únicos que denunciam o que estes sub-humanos da burguesia andam a fazer. Sim, porque quem trata empregados desta forma, é isso mesmo, um sub-humano, um pedaço de esterco que só merece é que lhe escarrem em cima de cada vez que sai com as fuças à rua. 

Depois há os bétinhos da direitinha que andam por aí a defender esta barbárie, bétinhos esses que nunca souberam, nem sabem, o que é a puta da vida, porque nasceram em berço de ouro, tiveram acesso ao colégio privado pago pelo papá rico e quando terminam os estudos, têm as cunhas e os tachos certos que lhes permitem ser catapultados com pouquíssimo esforço para empregos com salários de luxo. Claro que estes bétinhos, que depois aparecem a dar lições de moral aos pobres sobre as "virtudes" do Capitalismo selvagem, nunca se sujeitam eles próprios a esse mesmo Capitalismo selvagem para saberem o que é bom. Animais, autênticos animais de curral são o que estes tipos são, eles e todos os marmelos tanto da direita, como da esquerda, que lhes andam por aí a dar cobertura nos me(r)dia.

Esta malta sente-se ofendida e chocada quando alguém como eu lhes chama sub-humanos, filhos da puta e pedaços de esterco ambulantes, mas não se sentem ofendidos pelo facto de andarem a obrigar trabalhadores a mijar e cagar em fraldas nas linhas de produção das suas empresas, tudo a troco de um salário mísero no fim do mês. 

Haja paciência para tanta hipocrisia!

João José Horta Nobre
13 de Maio de 2016

11 comentários:

  1. E os artistas dos "direitos" dos animais mais depressa denunciam a exploração dos frangos do que isto.

    ResponderEliminar
  2. Caro JJHN


    Isso é completamente ridículo, nenhum desses trabalhadores é obrigado sequer a trabalhar ali quanto mais a usar fraldas. Se o fazem para mim é similar às pessoas que livremente resolvem fumar ou livremente resolvem votar à esquerda. Simplesmente são decisões individuais estúpidas.

    Não há que culpar os patrões ou o Capitalismo, a responsabilidade é do indivíduo que usa a fralda e vai trabalhar ali.



    ResponderEliminar
    Respostas
    1. «Isso é completamente ridículo, nenhum desses trabalhadores é obrigado sequer a trabalhar ali quanto mais a usar fraldas.»

      E se não houver mais nenhum trabalho disponível o que é que o trabalhador faz? Atira-se para debaixo de um camião na estrada?

      Eliminar
    2. "Atira-se para debaixo de um camião na estrada?"

      Caro JJHN

      Essa opção é similar às que referi de votar à esquerda ou de fumar.

      Trabalho não falta em lado nenhum e ser empreendedor ainda é melhor que optar pelo trabalho.

      Desresponsabilizar as pessoas atirando as culpas para os patrões é tolice, direi mesmo mais, muito característico dos esquerdistas.

      Numa sociedade competitiva como a americana, aprende-se cedo a empreender e a primeira coisa é afastar as desculpas.





      Eliminar
    3. "Trabalho não falta em lado nenhum e ser empreendedor ainda é melhor que optar pelo trabalho."

      Ai não falta trabalho? Então como é que temos uma taxa de desemprego jovem em Portugal a rondar os 30%?

      Pois ser empreendedor é bom, sim. Mas como é que alguém vai ser empreendedor se não tiver dinheiro para investir num novo negócio e um banco não lhe emprestar dinheiro?

      «Desresponsabilizar as pessoas atirando as culpas para os patrões é tolice, direi mesmo mais, muito característico dos esquerdistas.»

      Quando um patrão não deixa os trabalhadores fazer sequer uma pausa para irem mijar, a culpa é de quem? Do trabalhador?

      «Numa sociedade competitiva como a americana, aprende-se cedo a empreender e a primeira coisa é afastar as desculpas.»

      Eu sei bem o que são os Estado Unidos, porque eu próprio vivi lá oito anos:

      http://historiamaximus.blogspot.pt/2015/02/algumas-consideracoes-sobre.html

      Eliminar
    4. "Ai não falta trabalho? Então como é que temos uma taxa de desemprego jovem em Portugal a rondar os 30%?"

      Caro JJHN

      Trabalho de facto não falta, simplesmente o Estado ao definir o salário mínimo destrói milhares de postos de trabalho por não conseguirem ser rentáveis.

      Quanto mais sobem o salário mínimo destroem milhares de postos de trabalho.


      Os aviários são verdadeiras fábricas de produção em série, se um trabalhador pára (ou diminui o ritmo), por qualquer motivo simplesmente pára toda a produção, aquilo está sistematizado de tal forma que os trabalhadores simplesmente têm de ser muito eficientes no seu trabalho. Ainda não arranjaram maneira de substituir totalmente o factor humano pela máquina neste tipo de trabalho, por isso, os trabalhadores que lá estão sabem que têm de acompanhar o ritmo.

      Eliminar
    5. Eu gostava de ver este Arquivista na linha de produção a "acompanhar o ritmo". Vamos lá Arquivista, tá na hora de ires "acompanhar o ritmo" a depenar frangos.

      Eliminar
  3. FALSO EXPLORAÇÃO BURGUESA E ESTATAL EXISTEM JA O HOLOHOAX É MENTIRA VA OLHAR A CRUZ VERMELHA E SEUS DADOS IN LOCO

    ResponderEliminar
  4. "campos de extermínio nazis."

    Não houve algum ! Ao menos na realidade, pois em hollywood eles exitem.

    Repare nessa pobre vitima de tais campos :
    http://40.media.tumblr.com/c17e68e2948e4cb5d420c6fb10600e70/tumblr_nivh87BSun1tmuugdo1_400.jpg

    De certo nao cabia nos fornos ,dai o porque de o deixerem viver.

    ResponderEliminar
  5. https://m.youtube.com/watch?v=QlBA2zp992c


    Recomendo a todos com duvidas a cerca do alegado holocausto a verem esse vídeo .

    ResponderEliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...