terça-feira, 4 de abril de 2017

É Provável Que em Breve Rebentem Guerras Civis um Pouco Por Toda a Europa Ocidental




É sempre refrescante ouvir falar Daniel Estulin, um dos maiores especialistas do Mundo sobre o Clube Bilderberg e a Nova Ordem  Mundial, com diversa obra publicada. Desta vez, Estulin deixa no ar uma previsão sinistra mas sobre a qual eu próprio já ando a advertir há imenso tempo, ou seja, que a elite mundialista está a preparar-se para despoletar guerras civis um pouco por todo o Ocidente. Os sinais neste momento vêm de todos os lados e é já bastante perceptível que algo vai "rebentar" em breve.

Todos os "protestos" intensificados a que temos assistido em França e nos Estados Unidos durante os últimos meses, são apenas um ensaio geral das "tropas" para um plano muito mais denso e perigoso que a elite mundialista tem já preparado. Com o "caldinho" de ódios e rivalidades etno-religiosas que o multiculturalismo tem semeado pelo Ocidente, é de prever que quando a elite mundialista julgar ser chegado o momento de despoletar a guerra civil, o mais provável é que subitamente surjam armas e munições nas mãos de determinados grupos criados pela própria Nova Ordem Mundial. Não contem com as Forças Armadas e de segurança de nenhum País da Europa Ocidental para vos proteger, porque é expectável que as mesmas colapsem rapidamente, através de um misto de sabotagem interna, suborno de oficiais e falta generalizada de equipamento e munições. 

O objectivo da elite mundialista é semear a anarquia e o caos destruidor, de forma a arrasar as estruturas sociais dos estados-nação da Europa Ocidental e desbravar o caminho para um governo mundial totalitário. Por este motivo, é do interesse das forças da Nova Ordem Mundial que os conflitos se arrastem, de forma a maximizar as baixas e a destruição de infraestruturas. A melhor forma de subjugar totalmente uma Nação, é reduzindo-a a escombros e deixando os sobreviventes totalmente à mercê dos vencedores. Ao contrário do que pode parecer à primeira vista, não é do interesse da elite Mundialista que existam Forças Armadas ou de segurança na Europa Ocidental capazes de reagir a um cenário de distúrbios civis em larga escala. O objectivo disto é exactamente o de provocar o colapso da ordem pública, seguido de um massacre que se arrastará durante anos a fio e que basicamente oporá todos contra todos. No fim, serão varridos os cacos por quem sobreviveu à tragédia e não tardarão a ser criados os Estados Unidos da Europa sob as ruínas das antigas nações.

Temo sinceramente que o que aí vem a caminho vai ser muito pior do que eu alguma vez consegui sequer imaginar. Há anos que eu ando desconfiado de que a elite mundialista se anda a preparar para repetir a "Primavera Árabe" na Europa. Pelo menos todos os acontecimentos apontam nesse sentido. Depois de terem desestabilizado a Ucrânia e larga parte do Médio Oriente, reduzindo a Líbia e a Síria a montes de entulho fumegante, as forças da Nova Ordem Mundial apontam agora as suas baterias à Europa Ocidental. O próximo alvo na lista de abate dos mundialistas somos nós. O meu "faro" diz-me que primeiro vai "estoirar" qualquer coisa em França (o País onde começam todas as "revoluções"...) e de seguida irá dar-se um efeito dominó que será impulsionado pelos media e as redes sociais ao serviço do "sistema", que costumam ficar sempre histéricas com propaganda nestas situações. Armas e munições não tardarão a ser livremente distribuídas a terroristas por agentes da Nova Ordem Mundial, que tratarão de assaltar as prisões para libertar os seus "irmãos" e inundar as ruas com a gente mais perigosa que se pode imaginar. As armas e munições nestas situações aparecem sempre como que por "magia". Basta ver como a elite mundialista conseguiu num "abrir e fechar de olhos" colocar armas nas mãos de terroristas para derrubar Gaddafi em 2011 e repetiu posteriormente a experiência na Síria. 

De seguida e para garantir que o banho de sangue é bem extenso, a elite mundialista vai armar grupos para combater os primeiros grupos que foram criados por si. A Síria é um excelente exemplo prático desta estratégia dos mundialistas para destruir nações. Armam-se vários grupos e colocam-se os mesmos a lutar todos uns contra os outros. O resultado disto, como é óbvio, é devastador. No caso dos nacionais não quererem combater entre si, infiltram-se terroristas aos milhares pelas fronteiras adentro, de forma a atiçar artificialmente o conflito. A nossa destruição está a ser preparada ao pormenor pela elite mundialista. Só não vê, quem não quer...

João José Horta Nobre
4 de Abril de 2017
  

12 comentários:

  1. O ninho da víbora globalista aqui http://dcclothesline.com/2013/06/04/the-web-of-power-council-on-foreign-relations-bilderberg-and-trilateral-commission/

    ResponderEliminar
  2. "Não contem com as Forças Armadas e de segurança de nenhum País da Europa Ocidental para vos proteger, porque é expectável que as mesmas colapsem rapidamente, através de um misto de sabotagem interna, suborno de oficiais e falta generalizada de equipamento e munições. "-----------------------Portugal já é(infelizmente)um exemplo disso mesmo(curiosamente ao mesmo tempo que temos tropas e policias ao serviço do globalismo fora da Europa) e do que pode vir por aí no futuro próximo.

    ResponderEliminar
  3. Caro João Nobre
    Veja este artigo na Alemanha.
    Tu tens toda a razão ... é de bradar aos céus, e ainda tem gente que acha que os muçulmanos são coitadinhos !!!!!!
    ----------------------------------------------------

    http://www.express.co.uk/news/world/684623/Islamist-extremists-hide-huge-stockpile-of-weapons-near-German-mosque

    Extremistas islâmicos escondem enorme arsenal de armas, perto de mesquita na Alemanha.

    Um esconderijo enorme de armas para extremistas islâmicos Alegadamente pertencentes a mulçumanos, foram encontrados escondidos perto de uma mesquita na Alemanha.


    O estoque de armas foi encontrado perto de uma mesquitaPH
    O estoque de armas foi encontrado perto de uma mesquita
    O arsenal de armas foi descoberto durante uma operação secreta pela equipe da SWAT no Nordrhein-Westfalen.
    político local Ismail Tipi revelou detalhes do ataque e alertou para "o perigo de fundamentalistas".
    As armas foram encontradas em uma sala fria de uma mercearia perto de uma mesquita.
    O estado é o estado mais populoso da Alemanha, com quase 18 milhões de pessoas na área, que inclui Dusseldorf.
    Sr. Tipi, que é membro do Parlamento de Hesse, alertou para os perigos de salafistas fundamentalistas.
    Alemanha tem visto fortes aumentos no número de ultraconservadores islâmicos conhecidos como salafistas nos últimos anos, com o número total de simpatizantes vista agora em 8900, acima dos 7.000 no final de 2014, autoridades alemãs disseram.
    Ele disse: "De acordo com minhas informações, um arsenal de armas de uso militar Com foi encontrado neste armas de busca.
    "O perigo de salafistas fundamentalistas que estão prontos a usar a violência na Alemanha está se armando muito grande. Este encontrar ESTA armas de ataque secretos de cache ESTA é mais do que clara. "
    Sr. Tipi, que se diz ter recebido a morte Seus comentários contra ameaças para jihadis, células adormecidas Preocupações levantadas estão se preparando para um ataque de terror na Alemanha.
    Ele disse: "As informações sobre este está a aumentar. O salafista que o medo é grandes células-cama, jihadistas e terroristas ISIS na Alemanha obter o apoio de serviços de inteligência estrangeiros não são amigáveis ​​para isso nós.
    "Através do arsenal de armas, as células adormecidas e jihadistas militantes pode ser armado com armas e preparado para o ataque provável. Este é exatamente o que eu sempre temia. "
    I acrescentou: "Os políticos devem falar claro sobre isso.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. check http://www.jornaleconomico.sapo.pt/noticias/islao-pode-vir-a-tornar-se-a-maior-religiao-do-mundo-143031 um jornal do sistema demo-liberal(não é portanto nenhum jornal daqueles a que chamam nomes a acabar em "fobos")a revelar aquilo que muitos continuam a negar contra todas as evidências.

      Eliminar
  4. Quando a guerra civil acontecer os primeiros em que me vou concentrar em matar é tudo o que é politico.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Duvido que consigam apanhar muitos porque a actual elite cosmopolita assim que as primeiras balas começaram a voar na Europa e a situação aquecer a sério, vão-se meter todos em aviões e fogem para o Brasil ou outro sítio qualquer.

      Eliminar
  5. Só mesmo para não pensarem que se vêm livres da merda que fizeram ao seu próprio povo. Garantido e tão certo como o ar que respiro.

    ResponderEliminar
  6. O futuro é muito incerto e já comentei com a minha esposa que temos que ter 2 planos e estar muito atentos para não sermos apanhados com as calças na mão. O que me deixa triste é que quase tenho a certeza que vai ser na minha velhice e aí o caso muda radicalmente de figura e de hipóteses, resta-me rezar para ter saúde e alguma pontaria ou se conseguir, mais uma vez ter que fugir(1ªem criança a 2ªna velhice),se realmente, lamentavelmente vier a acontecer e pelo andar da carruagem que seja nos próximos 15 anos porque se for daqui a 25/30 estou entregue à bicharada,azares da vida para mim e para todos os que amam esta Pátria aniquilada ao fim de 900 anos por ignorantes,assassinos,chulos,estúpidos e débeis mentais etc etc...

    ResponderEliminar
  7. Infelizmente, eu estou convencido que não vamos ter guerra, mas sim a "brasileirização" da Europa. Os europeus estão demasiado acomodados e resignados para fazerem a guerra. E isso só mudará na eventualidade de uma grande crise económica que se arraste por décadas e que deixe milhões de europeus a morrer à fome.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. «Infelizmente, eu estou convencido que não vamos ter guerra, mas sim a "brasileirização" da Europa.»

      São dois casos completamente distintos e que a meu ver é errado comparar. O Brasil não acolheu imigração islâmica em massa como a Europa tem acolhido e isso faz toda a diferença. Os muçulmanos são diferentes de todos os outros imigrantes. Há uma clara especificidade que separa as comunidades islâmicas de todas as restantes comunidades de imigrantes e é isso que faz com que as mesmas sejam praticamente impossíveis de integrar.

      «Os europeus estão demasiado acomodados e resignados para fazerem a guerra.»

      Mas eu nunca disse que os europeus vão fazer qualquer guerra. Antes pelo contrário, a guerra, quer queiram, quer não, vai-nos ser imposta a nós pelas forças da Nova Ordem Mundial. Nós nem sequer vamos ter qualquer direito de escolha neste processo, muito menos no actual estado de anemia social em que se encontra a Europa. A Nova Ordem Mundial logo trata de "cozinhar" alguma situação que descamba em guerra civil. O Afonso vai ver. A seu tempo, as armas e munições vão aparecer e a "festa" começa. Foi exactamente o que fizeram na Líbia e na Síria e é o que essa gente se está a preparar para fazer na Europa. É só esperarem para ver...

      Eliminar
  8. Que lindo é Portugal !!!!!!
    Sem palavras ..............
    -------------------------------------------

    inistério Público informou que arquivou esta terça-feira o inquérito contra Dias Loureiro e José de Oliveira e Costa relacionado com o caso BPN.

    O Ministério Público justifica, numa comunicação publicada no portal da internet, o despacho de arquivamento com o não ter sido possível identificar, "de forma conclusiva, todos os factos suscetíveis de integrar os crimes imputados aos arguidos", após análise de "informação bancária relativa às operações e aos sujeitos intervenientes".

    O ex-ministro e ex-deputado do PSD Dias Loureiro e o antigo presidente do BPN e ex-secretário de Estado José de Oliveira e Costa estavam indiciados pelos crimes de burla qualificada, branqueamento e fraude fiscal qualificada.

    "Não obstante as diligências realizadas, não foi possível reunir prova suficiente, suscetível de ser confirmada em julgamento, da prática dos crimes imputados a estes arguidos e ao suspeito Abdul al-Assir [cidadão libanês]", adianta a comunicação do Ministério Público.

    ResponderEliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...