sábado, 12 de março de 2016

Uma Câmara de Gás Resolvia o Problema

A câmara de gás - agora desactivada - da Penitenciária do Novo México. A Europa tem problemas com jihadistas? Desradicalização? Nada disso! Telefonem antes ao Trump e peçam-lhe que envie uma câmara de gás pré-fabricada dos Estados Unidos. Garantem-se resultados rápidos e a solução definitiva da "questão islâmica" e todas as restantes "questões" pendentes...



O estrume politicamente correcto que por ingenuidade e falta de informação dos eleitores, continua aos comandos da Europa, está a descer a novos níveis do ridículo. Primeiro importam alógenos oriundos de culturas que nos desprezam, depois enchem a "marmita" aos alógenos com subsídios e toda a espécie de regalias, por fim, quando os alógenos começam a fazer aquilo para o qual estão culturalmente programados para fazer - a jihad - em lugar de os enfiarem no primeiro avião de regresso à lixeira onde foram paridos, não senhor, ainda têm direito a passaporte e a uma estadia num "centro de desradicalização", com todas as mordomias, pagas é claro, com o dinheiro dos contribuintes. Uma câmara de gás resolvia o problema, digo eu...

João José Horta Nobre
12 de Março de 2016

2 comentários:

  1. Li algures que as despesas do Estado Social alemão terão aumentado em amsi de 50% por causa da "crise dos refugiados". A confirmar-se (e eu não ficaria nada surpreendido se se confirmassem), isto significa que as tetas da vaca vão acabar por secar, mais ano, menos ano.

    Nessa altura não haverá "centros de desradicalização" que valham a quem quer que seja: sem dinheiro, já não será possível apaziguar os "pobres coitadinhos"... e aí é que as coisas vão mesmo aquecer!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Nesse caso estamos realmente tramados porque, neste mundo, a vontade política está intrinsecamente ligada à pressão financeira...

      Eliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...